8 de novembro de 2011

Open de Portugal em Taekwondo: mais vitórias

«As vitórias sucedem-se e os êxitos acumulados ao longo das diversas competições em que o SC Braga está envolvido têm sido uma prova da evolução da modalidade.

Desta vez o 2º Open de Portugal em Taekwondo encerrou, este domingo, com mais uma vitória, em termos absolutos, na disciplina de Combates, do SC Braga, para a qual contribuíram as conquistas individuais de Mário Silva (menos 68 Kg) e Jean-Michel Fernandes (menos 80 Kg), nas respectivas categorias de peso olímpico no escalão sénior masculino.

Mas estas foram apenas algumas das marcas alcançadas.

Os Gverreiros foram mais longe. Destacamos em juniores, Tiago Barata (-78Kg) que arrecadou também o lugar mais alto do pódio, já Pedro Barbosa (-68Kg) e João Domingues (-59Kg) cederam a vitória pela margem mínima, na primeira eliminatória, para atletas que atingiram o pódio nas respectivas categorias.

Este derradeiro dia de competição no Pavilhão do Alto do Moinho, em Corroios, Seixal, ficou marcado, uma vez mais, pela participação recorde de atletas nacionais e estrangeiros, bem como pela forma entusiástica como o público, que encheu as bancadas, aderiu ao espectáculo proporcionado pelos competidores, não arredando pé até à última final da prova, já iniciada bem para além do horário previsto para o encerramento do torneio.

Fazendo esta prova parte das pontuáveis para o ranking nacional olímpico, no escalão absoluto, o SC Braga, centrou todas as suas energias, na mesma, conseguindo concretizar os objectivos a que se havia proposto, com os seus representantes, mantê-los na liderança do ranking nas respectivas categorias.

Mário Silva (Vice Campeão Olímpico da Juventude), atingiu os mínimos exigidos para integrar a equipa nacional olímpica que representará Portugal no pré olímpico europeu que se realiza em Janeiro do próximo ano na Rússia e, para isso, muito contribuiu a vitória conquistada na final do torneio sobre o actual campeão europeu do escalão Sub21.

Michel Fernandes em (-80Kg) venceu com margens confortáveis os quatro combates realizados, mantendo o estatuto de “invencível” em território nacional desde Julho de 2009.

Ana Coelho em (-49Kg) obteve a segunda posição, deixando escapar a vitória na final pela margem mínima (6-7), depois de ter vencido nas eliminatórias anterior duas opositoras.

Tiago Barata o vencedor do escalão júnior e numa atitude “Gverreira” participou ainda, no escalão sénior, conquistando o terceiro lugar na categoria (-80Kg).


Os Gverreiros do Minho individualmente venceram 13 dos 17 combates realizados, colectivamente conquistaram-se dois troféus o 1º Lugar em Masculinos e ainda o titulo de Vencedores Absolutos em seniores, que resulta da pontuação alcançada no sector masculinos mais feminino.

A equipa técnica presente foi composta por Pedro Campaniço (treinador); Pedro Póvoa (coach), Tiago Monteiro (fisioterapeuta) e Heitor Lopes (Psicólogo estagiário).»

Notícia scbraga.pt