16 de setembro de 2011

Hélder Barbosa a Caminho da Selecção

Blues v SC Braga - 15th Sept 2011

Com cinco golos marcados nos últimos quatro jogos, dois em Birmingham na quinta-feira em encontro da fase de grupos da Liga Europa, Hélder Barbosa está a atravessar um grande momento na carreira, ao serviço do Braga de Leonardo Jardim. António Violante, selecionador nacional sub-17 em 2003, quando Portugal foi campeão europeu, elogia as boas prestações do jogador, mas lembra que uma chamada à seleção depende de Paulo Bento. Uma notícia da RTP Online:

"O Paulo Bento é que sabe, mas é bem provável". É assim que Antóno Violante vê uma possível chamada de Hélder Barbosa à seleção nacional. O antigo técnico da equipa das quinas em sub-17, campeão europeu em 2003 com o jogador na equipa, elogiou o percurso do esquerdino do Sporting de Braga nas seleções nacionais, mas relembra que "Hélder Barbosa tem ali gente de muita qualidade para ultrapassar, como é evidente", dando os exemplos de Cristiano Ronaldo, Nani e Varela.

Considera-o um "jogador muito intuitivo e inteligente, mas que por vezes perdia em momentos demasiado individualistas". No entanto, António Violante sente que o Hélder Barbosa amadureceu e está, neste momento a "atingir a dimensão coletiva e tática do jogo" e é por isso que está a sobressair tanto. Para o antigo técnico, o jovem das escolas do FC Porto "está a perceber que não é ele e mais dez".

Sobre a sua prestação no europeu sub-17, de onde Portugal saiu vencedor, Violante relembra que Hélder Barbosa era "um bom jogador" e integrou a seleção sendo um ano mais novo. Apesar de não ser titular na altura, "já evidenciava as qualidades que tem agora" e chegou a "entrar algumas vezes". O antigo selecionador pensa que "ele está a confirmar a ideia que nós tínhamos na altura à cerca dele".