27 de janeiro de 2008

Depois de Belém

Quando há um ano aceitou alistar-se no Beira-Mar para participar numa guerra sangrenta, a luta pela manutenção, Matheus nem imaginava que depressa seria protagonista de um dos resgates mais emocionantes do futebol português, por ter sido tão chorado por um lado (Setúbal) e festejado por outro (Braga). Seis meses de luxo ao serviço do Setúbal, sempre por empréstimo, fizeram dele uma das principais estrelas do campeonato e o Braga nem quis esperar pelo fim da época para ordenar o seu regresso. "Só pensava em fazer o meu trabalho e ser reconhecido pelo meu valor. O Braga reconheceu e trouxe-me de volta, espero agora ajudar", sublinha o atacante, recordando com satisfação as "amizades" que fez em Setúbal e colocando uma pedra sobre os interesses manifestados pelo Sion e PSV Eindhoven. "O Setúbal é passado, agora só penso no Braga. Sobre os outros clubes, só tomei conhecimento pelos jornais. Não tive conhecimento de propostas", assegura. Talhado para actuar sobre a esquerda, Matheus tem apenas a certeza de que não será fácil destronar Wender. "Tem feito boas exibições, mas vou fazer o meu trabalho. Espero que seja uma briga sadia e depois o mister só tem de decidir", perspectiva, manifestando-se igualmente disponível para jogar na direita. "Curiosamente, no Braga joguei sempre nessa posição. Estou disponível para ajudar e assumir qualquer função", garante. A segunda estreia pelos arsenalistas poderá acontecer já na Amadora e o brasileiro mostra-se optimista. "As últimas actuações do Braga não têm sido boas, mas vamos dar a volta por cima", promete.

"Fenómeno" Ronaldo enche-lhe as medidas


Basta recuar seis anos no tempo para descobrir um Matheus absolutamente desconhecido na esfera do futebol profissional. Com 19 anos, o atacante representava o Itabaiana (Brasil) em futsal e ainda tinha de trabalhar num supermercado de Ribeirópolis (Sergipe), como transportador de compras, para ganhar a vida. "Apenas tenho cinco anos de futebol de campo", esclarece. Mal surgiu uma oportunidade para mudar de modalidade, nem pensou duas vezes e o seu ídolo de sempre, Ronaldo (Milan), o "Fenómeno", não deixa margem para dúvidas quanto às suas preferências. "Apesar de tudo, será para sempre o melhor jogador", destaca, considerando ao mesmo tempo um "objectivo impossível" uma futura chamada à selecção do Brasil. "Nem penso nisso", atalha. Sobre a sua actual veia goleadora - já marcou cinco golos para o campeonato, cinco para a Taça da Liga e um para a Taça de Portugal, Matheus diz que é uma novidade na sua curta carreira. "O máximo que consegui foram nove golos ainda no Brasil", precisa.

Já provou fato da UEFA


Os últimos indícios só podem confirmar as suspeitas de que Matheus vai figurar na lista de jogadores do Braga para a próxima eliminatória da Taça UEFA, frente aos alemães do Werder Bremen. "Curiosamente, já provei o fato oficial para essas deslocações, pelo que acredito que serei inscrito", aponta. Depois de se ter estreado em competições europeias na época anterior, frente ao Libérec, o atacante espera agora causar boa impressão na Alemanha, embora sem egoísmos. "Primeiro pensarei na equipa, só depois em mim", afiança.

Rodriguez de volta


Ausente no jogo com o Belenenses em virtude de ter sido expulso frente ao Estrela, a contar para a Taça de Portugal, Rodriguez poderá regressar ao "local do crime" já na próxima jornada. E acabará por ser uma agradável dor de cabeça para Manuel Machado, pois o chileno Contreras já ultrapassou os problemas físicos que evidenciou na sexta-feira.

José Marinho por três anos


Será apenas na segunda semana de Fevereiro que José Marinho assumirá o cargo de director de comunicação do Braga. O jornalista despede-se na quinta-feira da SportTV - ontem relatou o Lille-PSG e está escalado para o Sporting-Penafiel na quarta - e deverá vincular-se aos minhotos por três anos, correspondentes ao mandato de António Salvador. Já a entrada de Carlos Freitas na estrutura do futebol continua a ser descartada pela SAD. in O Jogo

25 de janeiro de 2008

Braga vs Belenenses

Sporting Clube de Braga vs Clube de Futebol "Os Belenenses"
Estádio Axa - Braga
25 de Janeiro de 2008 - 20h30




Sporting Clube de Braga
Convocados
Guarda-redes: Paulo Santos e Dani;
Defesas: Paulo Jorge, João Pereira, Contreras, Breno Silva, Miguelito e César Peixoto;
Médios: Brum, Jorginho, Frechaut, Vandinho, Stélvio e Philco;
Avançados: João Tomás, Wender, Zé Manuel, Jaílson e Linz.




Clube de Futebol "Os Belenenses"

Convocados
Guarda-redes: Costinha e Marco Gonçalves;
Defesas: Amaral, Cândido Costa, Gonçalo Brandão, Hugo Alcântara, Rolando, Devic, Areias e Rodrigo Alvim;
Médios: Rúben Amorim, Mano, Gabriel Gómez, José Pedro, Marco Ferreira e Silas;
Avançados: Roncatto, Weldon e João Paulo Oliveira.

23 de janeiro de 2008

Cobiçado

As boas exibições de Matheus com a camisola do Vitória de Setúbal não passaram despercebidas ao PSV, mas o extremo brasileiro deve fazer o que resta da temporada no Sp. Braga, que entretanto antecipou o final do empréstimo. O clube holandês estava interessado na contratação, mas não atingiu os valores pedidos pelos bracarenses. «O PSV estava disposto a dar um milhão e meio de euros, mas o Sp. Braga pede dois milhões», disse ao Maisfutebol José Almeida, empresário do jogador. Em relação ao alegado interesse do Sion, José Almeida garante que ninguém do clube suíço falou com ele ou com o próprio Matheus. Posto isto, o agente acredita que o futuro do jogador passa pelo Sporting de Braga. in maisfutebol

Estacionamento à borla

Começam a faltar motivos para sócios e adeptos do Braga primarem pela ausência nos jogos disputados no Estádio AXA. Numa clara política de aproximação à massa associativa, o clube passará a disponibilizar transportes grátis em autocarros desde o centro da cidade para o estádio, proporcionando ao mesmo tempo estacionamentos gratuitos no parque do Campo da Vinha, mediante a apresentação do cartão de sócio ou do ingresso válido para cada jogo. À parte disto, já se encontram à venda os bilhetes para o jogo com o Belenenses, que vão desde os cinco euros (sócios) até aos 30 (cativos). Como foram distribuídos cinco mil bilhetes a alunos das escolas do concelho, o departamento de marketing acredita que a plateia se apresentará animada na sexta-feira e até já promoveu um concurso de claques para a "pequenada", sendo certo que os vencedores terão direito a assistir a outro jogo. Ao intervalo do jogo serão sorteadas duas viagens para a deslocação da equipa à Alemanha. in O Jogo

19 de janeiro de 2008

Parabéns Sporting Clube de Braga


Via SCBraga
O Sporting Clube de Braga comemora hoje 87 anos de existência. O programa é o do costume.

Taça de Portugal

Clube de Futebol Estrela da Amadora - Sporting Clube de Braga
Domingo, 20 de Janeiro de 2008
Estádio José Gomes - Amadora


Sporting Clube de Braga
Convocados:

1- Paulo Santos
12 – Dani
2 – Rodriguez
3 – Paulo Jorge
5 - R. Brum
7 – Jorginho
9 – João Tomás
10 – João Pinto
13 – Carlos Fernandes
15 - Wender
17 - Frechaut
18 – Zé Manel
20 – Jaílson
21 – César Peixoto
25 – Miguelito
29 – Linz
47 – João Pereira
88 – Vandinho
89 - Sélvio Cruz


Clube de Futebol Estrela da Amadora
Convocados:

Guarda-redes: Pedro Alves e Filipe Mendes.
Defesas: Maurício, Rui Duarte, Wagnão, Hélder Cabral e Moreno.
Médios: Fernando, Marco Paulo, Tiago Gomes, Mateus, Marcelo Goianira, Adul e Celestino.
Avançados: Anselmo, Ndiaye, Pedro Pereira e Nuno Viveiros.

Apresentações e mais notícias

A recente compra dos restantes 33 por cento do passe de Linz não implica uma futura venda do avançado a curto prazo. Na apresentação oficial dos centrais Contreras e Breno, António Salvador foi peremptório, dizendo que pretende uma segunda volta correspondente ao objectivos delineados no princípio da época, e, nessa medida, o austríaco é imprescindível. "Não fazia sentido investir num activo e depois vendê-lo. Achamos que o melhor era ter o passe total do jogador integrado na SAD", explicou o presidente do Braga, apontando para mais tarde (fim da época) uma eventual transacção. Não sai Linz nem se perspectiva o mesmo em relação a outro jogador, isto num quadro de vendas. "Em princípio, não sai ninguém. Podíamos tentar vender jogadores, mas em prol da equipa não o vamos fazer", assegurou. Atento ao discurso do dirigente, Contreras puxou a fita da sua carreira atrás para dizer que foi feliz na sua primeira passagem por Portugal, em que vestiu de verde e branco. "Foi muito bonita a minha estadia no Sporting, mas agora só penso no Braga", destacou. Num golpe de magia, o craque chileno optou pelo clube do Minho, quando tinha em cima da mesma outros convites tentadores, mas a palavra de António Salvador soou melhor. "A proposta mais clara foi a do presidente. Podia ter ido para outros clubes, mas o Braga é uma equipa reconhecida internacionalmente, e aqui tenho possibilidades de mostrar o meu futebol", observou o chileno, de 29 anos, elogiando os seus novos companheiros de equipa. "O Braga tem muitos jogadores conhecidos a nível mundial; espero acrescentar experiência com o meu trabalho." Curiosamente, essa mesma experiência não o ajudou a manter-se como titular, esta época, ao serviço do Celta de Vigo. "No ano passado, a equipa desceu de divisão, e culparam os jogadores sul-americanos por esse facto, eu incluído", recordou.

Para Breno, esta é a sua primeira experiência fora do Brasil. Com apenas 21 anos, o central acabou por convencer os responsáveis bracarenses após duas semanas de testes. Parco em palavras, o brasileiro define-se como "um central de marcação" cuja principal "virtude é a técnica", características igualmente comuns ao seu jogador-referência. "O meu jogador preferido é o Alex, defesa do Chelsea", confessou. Apesar de não ser um futebolista conhecido em Portugal, Breno recuou no tempo para evocar um passado recente. "Em 2006, fui eleito o melhor zagueiro da Série B; depois fui transferido para o Vasco da Gama, que me voltou a emprestar ao Náutico", expôs.

Salvador descarta Carlos Freitas na SAD


Apontado há dias como próximo reforço da SAD do Braga, Carlos Freitas, ex-administrador do Sporting, não foi confirmado por António Salvador. "Essa notícia não faz sentido. É verdade que conheço o sr. Carlos Freitas, mas essa questão não tem cabimento", referiu. Já o regresso do extremo Matheus foi rapidamente subscrito pelo dirigente. "É verdade. O Matheus vai regressar ao Braga. Depois de uma conversa com o presidente do Setúbal, que entendeu as nossas razões, o jogador vai voltar a trabalhar com o nosso plantel na próxima quarta-feira", garantiu. Certo de que satisfez grande parte dos pedidos do técnico Manuel Machado, Salvador abordou o futuro com optimismo. "O Braga tem grandes profissionais. As coisas não nos têm corrido muito bem, mas depois, com a entrada de Manuel Machado, tivemos uma fase muito boa. Nos dois últimos jogos, as coisas não correram de feição, mas sei que os nossos jogadores vão fazer tudo para conseguirem uma grande segunda volta", desejou.


O vaivém de entradas e saídas de jogadores parece não ter fim na "Pedreira". Asseguradas as contratações dos centrais Contreras e Breno, o Braga acertou ontem com o Setúbal o empréstimo do avançado peruano Jair Baylón, em jeito de contrapartida pelo regresso de Matheus ao Minho. O extremo brasileiro fará o seu último jogo pelos sadinos na próxima quarta-feira, frente ao Penafiel, a contar para a Taça da Liga, e tudo aponta para que no dia seguinte se apresente às ordens do técnico Manuel Machado. Trata-se de um regresso pela porta grande, depois de seis meses de empréstimo ao Beira-Mar, na época anterior, e de outros seis ao Setúbal, na corrente temporada. O contrato de Matheus é válido até ao final da próxima temporada, sendo certo que o Braga tem assegurada a opção de renovação por mais dois anos. Quanto a Baylón, ainda por se estrear na primeira Liga, terá a oportunidade de mostrar as suas qualidades numa equipa competitiva onde não faltam jogadores pertencentes aos quadros do Braga.

Por resolver continua a contratação de Alex, um "velho" conhecido de Manuel Machado. Relegado para a equipa B do Wolfsburgo desde o começo da temporada, o lateral-direito/extremo já propôs a sua desvinculação, abdicando, inclusive, de todos os salários referentes a um contrato válido por uma época e meia, mas o clube alemão insiste na ideia de ser compensado financeiramente. A esperança dos arsenalistas é que o desgaste do tempo ajude. in O Jogo

12 de janeiro de 2008

FC Porto - SC Braga

Estádio do Dragão, Porto
12 de Janeiro de 2008 - 21h15


Futebol Clube do Porto
Convocados:
Guarda-redes: Helton e Nuno;
Defesas: Bosingwa, Pedro Emanuel, Bruno Alves, João Paulo , Marek Cech e Fucile;
Médios: Bolatti, Paulo Assunção, Raul Meireles, Lucho González e Kazmierczak;
Avançados: Mariano González, Quaresma, Lisandro López, Adriano e Farias.




Sporting Clube de Braga
Convocados:
Guarda-redes: Paulo Santos e Dani Mallo;
Defesas: Rodriguez, Paulo Jorge, Carlos Fernandes, Anílton Júnior, Miguelito e João Pereira;
Médios: Roberto Brum, Castanheira, Frechaut, César Peixoto, Vandinho e Stélvio Cruz;
Avançados: Jorginho, João Tomás, Wender, Jaílson e Linz.

Jesualdo não tem dúvidas: BRAGA É O 4º GRANDE!

O treinador do FC Porto, Jesualdo Ferreira, afirmou que o seu próximo adversário na Liga, o Sporting de Braga, é o «quarto clube de Portugal».

«O Sporting de Braga é, na minha opinião, a quarta maior equipa portuguesa, algo verificável nas últimas quatro temporadas», afirmou Jesualdo Ferreira na conferência de imprensa. «O Braga cresceu muito, tem uma boa direcção, jogadores, tem adeptos apaixonados pelo clube e está nas competições europeias». [Diário Digital]

11 de janeiro de 2008

Hussaine no Boavista

O Jogo de hoje dá Hussaine como certo no Boavista. Uma pena, creio que ainda nos vamos arrepender desta decisão e espero que no penúltimo jogo da época o Hussaine esteja castigado. Vamos precisar de ir ganhar ao Bessa!

8 de janeiro de 2008

Mercado de Inverno

O regresso do Braga aos treinos, tendo em vista a deslocação ao Estádio do Dragão, ficará marcado pela integração do brasileiro Breno Silva. Poderá mesmo dizer-se que será a grande atracção da tarde. Oriundo do Náutico do Recife, o central desembarca hoje em Portugal e nem o cansaço da viagem irá demovê-lo da intenção de se mostrar logo a Manuel Machado, pois a sua contratação está dependente de um aval do treinador, que, como é sabido, procura reforços para a defesa. Sensibilizada com os seus pedidos, a SAD presidida por António Salvador já assegurou o empréstimo do lateral-esquerdo Miguelito, ex-Benfica, e deverá apresentar a Breno Silva um compromisso válido por seis meses, com opção de renovação por mais três anos, caso o defesa confirme em Braga as credenciais que o notabilizaram no Brasil. Tido como um defesa de futuro, Breno Silva, de apenas 21 anos, representa para os minhotos uma potencial contratação a custo zero, pois desvinculou-se recentemente do Náutico, na sequência de uma acção judicial.

Sempre de olho no mercado, o Braga não se ficará por aqui no tocante a reforços para o sector defensivo. Tal como O JOGO avançou em primeira mão, em Novembro, o lateral-direito/extremo Alex, do Wolfsburgo, continua a ser desejado por Manuel Machado e o processo até está bem encaminhado entre o jogador e os minhotos. O único problema a contornar é convencer o clube alemão a prescindir das contrapartidas financeiras que tem exigido até ao momento para libertar o jogador, preso por um contrato válido por um ano e meio. Já para o centro da defesa a sociedade desportiva trabalha em várias frentes, sendo certo que os nomes de Alex Bruno (São Paulo) e João Paulo (FC Porto) figuram entre as preferências. Como ambos só poderão tornar-se possíveis em quadros de empréstimos pouco exequíveis por enquanto, é provável que o Braga se volte para outra opção de um país de Leste.

Sem avanços permanece o dossiê das saídas. Já rotulados de excedentários, Hussain e Lenny aguardam as chegadas dos respectivos agentes a Portugal, mas deverão despedir-se muito em breve, assim como o jovem central Vítor Hugo, cujo futuro passará por um clube da Liga Vitalis. Quanto a Castanheira, cobiçado por Académica, Leixões e Leiria, deverá acabar por... continuar às ordens de Manuel Machado até ao fim da época. A Briosa é o clube melhor colocado, nesta altura, para assegurar um empréstimo, mas a propalada saída do médio de ataque, que tem mais duas épocas e meia de contrato, poderá não acontecer, uma vez que o técnico só abre mão de um esquerdino na condição de receber outro. in O Jogo

7 de janeiro de 2008

"Edigol"


Este rapaz marca golos que se farta no Vitória de Setúbal. Um dos jovens que foi desprezado, depois de extinta a equipa B do Sporting Clube de Braga. Má política de formação.

4 de janeiro de 2008

AAC - Sp. Braga

Estádio Cidade de Coimbra
04 de Janeiro de 2008, 20h30

Associação Académica de Coimbra
Convocados
Guarda-redes - Pedro Roma e Rui Nereu;
Defesas - Pedro Costa, Kaká, Orlando e Vítor Vinha;
Médios - Paulo Sérgio, Pavlovic, Nuno Piloto, NDoye, Cris e Tiero;
Avançados - Miguel Pedro, Lito, Joeano, Gyano Ivanildo e Hélder Barbosa.




Sporting Clube de Braga
Convocados
Guarda-redes: Paulo Santos e Dani;
Defesas: Rodriguez, Paulo Jorge, Carlos Fernandes, Frechaut, César Peixoto, Vítor Hugo e Anílton;
Médios: Roberto Brum, Vandinho, Jorginho, Castanheira e Stélvio;
Avançados: João Tomás, Wender, Linz e Jaílson.